No ano de 1980, houve danificação de carros e explosões de bombas nas imediações do Instituto de Educação e imediações. Não houve ferimentos pessoais, mas foram cortados os pneus de 10 a 12 carros estacionados nas proximidades do local. A fonte são as notas taquigráficas da audiência pública realizada pela Comissão de Direitos Humanos da ALMG.

Submissões recentes