Censurar os meios impressos, radiofônicos e televisivos, na época estudada, significava, realmente, impedir que os cidadãos tivessem conhecimento de fatos, eventos, medidas que não interessavam à ditadura militar que fossem divulgados. No entanto, reconstituir o que não foi publicado, documentar a ausência de informação mostrou-se uma tarefa difícil. A equipe fez então a escolha de estudar os modos de ação da censura, através de depoimentos, bibliografia e pesquisa de documentos

Dentre as fontes encontradas destaca-se um documento – reproduzido e analisado mais à frente – denominado “Manual de Instruções”, expedido pela Infantaria Divisionária da 4a Região Militar (ID-4), indicando de forma definitiva os assuntos que não poderiam ser tratados nos meios de comunicação.

Uma outra fonte importante para a pesquisa deste modus operandi da censura em Minas foi relato de diferentes profissionais que militavam na imprensa em Minas na época.

Manual de Instruções expedido pela Infantaria Divisionária da 4a Região Militar - Documento ID4

Submissões recentes