Data da morte:01/04/1985

Local: Malacacheta

O lavrador Sebastião Gomes Pereira, 52 anos, era casado e tinha seis filhos quando foi assassinado. Ele foi atingido por quatro tiros no dia 1º/04/1985, proferidos por pistoleiro não identificado. O mandante do crime foi o fazendeiro Gerson Rocha Silva.

O homicídio foi motivado por conflito de terras. Gerson Rocha cobiçava as terras de Sebastião Gomes Pereira, que sofreu ameaças durante cinco anos para que saísse do local, uma área de 50 hectares localizada a 16 quilômetros do município de Malacacheta. O conflito já havia sido denunciado nas delegacias de polícia de Teófilo Otoni, Ladainha e Malacacheta.

O nome de Sebastião Gomes Pereira consta nas publicações “Camponeses mortos e desaparecidos: Excluídos da Justiça de Transição”, “Relatório final: Violações de Direitos no campo 1946 a 1988”, “Assassinatos no Campo: crime e impunidade 1964 – 1985” e “Fetaemg 30 anos de luta: 1968 a 1998”.

Submissões recentes